Autor Tópico: Libertação - Batismo com o Espírito Santo  (Lida 1292 vezes)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Obreiro
******
Mensagens: 492
Sexo: Masculino
C.E.M
Offline Offline
    Ver Perfil Centro De Evangelização
Libertação - Batismo com o Espírito Santo
« em: 02 de Março de 2013, 21:30 »
Texto: Atos 1:8/2:1-8

O Espírito Santo no Antigo Testamento
 No Antigo Testamento, a ação do Espírito Santo era bem específica sobre líderes, profetas, sacerdotes, reis, etc. O povo apenas presenciava a presença do Espírito na vida dos líderes.


 Ex. Moisés e os Anciãos – Nm 11:16-17- Ninguém pode fazer a obra sozinho.
 Rei Saul – 1Sm 10:6 e Rei Davi, Sansão, Elias e Eliseu, etc.
 Os reis ao serem ungidos recebiam o poder do Espírito Santo, que era derramado sobre eles.
 Nos dias de hoje o Espírito Santo não é exclusividade, mas é para todos.

AS PROMESSAS DO DERRAMAR DO ESPÍRITO SANTO – DENTRO E SOBRE

1- DENTRO - para regeneração/conversão
 Ez 36:26-27 – “Dar-vos-ei um coração novo, e porei dentro em vós um espírito novo; tirarei de vós o coração de pedra e vos darei um coração de carne. Porei dentro de vós o meu Espírito, e farei que andeis nos meus estatutos, e guardeis os meus juízos, e os observeis.”
 Esta promessa está falando de conversão, regeneração. No dia em que você aceitou Jesus no seu coração, como Senhor e Salvador de sua vida, o Espírito de Deus. veio habitar dentro de você.
 Ele que te convence do pecado...
 Cumprimento da promessa - Jo 20: 19-22

2- SOBRE- para revestimento de poder
 Mt 3:11 – “Eu vos batizo com água, para arrependimento. Mas após mim vem aquele que é mais poderoso do que eu, cujas sandálias não sou digno de levar. Ele vos batizará com o Espírito Santo e com fogo.”
 Cumprimento da promessa – At 2:4
 O batismo com o Espírito Santo dá força a você para manter viva a libertação e cura que recebeu.


O QUE É O BATISMO NO ESPÍRITO SANTO
 Revestimento de poder - Lc 24:49- “E eis que sobre vós envio a promessa de meu Pai; ficai, porém, na cidade de Jerusalém, até que do alto sejais revestidos de poder.”

Unção - I Jo 2:27 – “E a unção que vós recebestes dele fica em vós, e não tendes necessidade de que alguém vos ensine; mas como a sua unção vos ensina todas as coisas, e é verdadeira, e não é mentira, como ela vos ensinou, assim nele permanecereis.”

 Virtude do Espírito - At 1:8 – “Mas recebereis a virtude do Espírito Santo, que há de vir sobre vós; e ser-me-eis testemunhas tanto em Jerusalém como em toda Judéia e Samaria e até os confins da terra.”
 Virtude é poder em ação. É o poder divino para testemunhar de Cristo, para ganhar os perdidos para Ele e ensinar-lhes a observar tudo quanto Ele ordenou.

Diferença entre receber o Espírito Santo e o Batismo no Espírito Santo
 Receber: Jo 20.19-22 - “ ... assoprou sobre eles e disse-lhes: Recebei o Espírito Santo.”
 Receber o Batismo: At 1.5, 8; At 2.4; At 2.39


Para quem é? – PARA TODOS
 At 2:38-39 – “...Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo para perdão dos pecados, e recebereis o dom do Espírito Santo. Porque a promessa vos diz respeito a vós, a vossos filhos e a todos que estão longe: a tantos quantos Deus, nosso Senhor, chamar.”/

 Joel 2:28-32 –“E há de ser que, depois, derramarei o meu Espírito sobre toda a carne.....”

Existem duas coisas básicas que impedem uma pessoa de receber o batismo com o Espírito Santo: a incredulidade ou pecados não confessados.

O QUE É NECESSÁRIO PARA RECEBER?
 1- Arrepender dos pecados – At 2:38
 2- Crer – Jo 7:38 – “Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre.”
 3- Pedir – Lc 11:13 –“Pois, se vós, sendo maus, sabeis dar boas dádivas aos vossos filhos, quanto mais dará o Pai celestial o Espírito Santo àqueles que lhe pedirem?”
 4- Receber – At 1:8 –“Mas recebereis a virtude do Espírito Santo,, que há de vir sobre vós...”

O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO...
 1. Não está vinculado a mérito, é um dom de Deus (At 10:45).
 2. Nem a métodos, pois o Espírito opera como vento (Jo 3:8), “O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes donde vem, nem para onde vai...”
 3. Nem a datas, pois Jesus o batizador é soberano, e batiza quando lhe apraz.
 4. Nem a locais, pois Ele batiza aonde quer.
 5. Nem a posturas corporais, pois o que vale é a posição do coração (Jr 29:13) “ buscar-me-eis e me achareis quando me buscares de todo o vosso coração.”

 CONDIÇÕES PARA RECEBER O BATISMO COM O ESPÍRITO SANTO
 a) Arrependimento e aceitar a Jesus como Senhor e Salvador (At 2:38-40), voltando para Deus em mudança radical de atitude.
 b) Obediência (At 5:32) “e nós somos testemunhas acerca destas palavras, nós e também o Espírito Santo, que Deus deu àqueles que lhe obedecem.”
 c) Fé (Jo 7:38; 11:40) – “...se creres verás a glória de Deus.”
 d) Busca ardente com perseverança (Mt 7:7) “Pedi, e dar-se-vos-á...”
 e) Sede ardente (Sal 143:6) “...a minha alma tem sede de ti como terra sedenta.”
 f) Atitudes dignas de louvor.
 g) Coração limpo (Mt 5:8). ”Bem-aventurados os limpos de coração, porque eles verão a Deus.”


Os resultados do Batismo no Espírito Santo.
 - Ousadia e eficácia no testemunho e na pregação (At 1:8; 4:31, 33; 6:8-10; Rm 15:18-19; I Co 2:4).
 - Sinais e maravilhas (At 6:8; I Co 2:4; Rom 15:18-19).
 - Mensagens proféticas e louvores (At 2:4, 17; 10:46; I Co 14:2, 15).
 - Visões da parte do Espírito Santo (Ap. 1:9-20).
 - Maior sensibilidade contra o pecado que entristece o Espírito Santo, maior busca de retidão, percepção mais profunda do juízo divino contra a impiedade (Jo 16:8; Ef 4:30).
 - Maior desejo de orar e interceder (At 2:42; 3:1; 4:31; 6:4; 10:9; Rm 8:26-27; I Tm 2:1-6; Dt 9:1-23; Dn 6:10).
 - Maior amor à palavra de Deus e melhor compreensão dela (Jo 16:13; At 2:42).
 - Uma convicção cada vez maior de Deus como nosso Pai (At 1:4, Rm 8:15; Gl 4:6).
 - Submissão aos que estão em autoridade sobre nós (Gl 5:18-21; Hb 13:7; 13:17).

Evidências do Batismo no Espírito Santo
 O falar em línguas estranhas, é uma das evidências para se aferir se a pessoa foi ou não batizada no Espírito Santo (At 11:15-17), o que se deu no dia de pentecostes, repetiu-se na casa de Cornélio (At 10:46); em Éfeso (At 19:6); na vida de Paulo (At 9:17-18; I Co 14:18; em Samaria (At 8:20-21), embora a Bíblia não declare, também deve ter havido línguas estranhas por ocasião do avivamento que lá houve nos dias dos apóstolos (veja I Co 13:1).

1) Não estabeleça regras para o Espírito Santo
2) Todo ensinamento de homem que possa trazer condenação ou barreira para você receber o poder do Espírito, jogue fora de sua vida em nome de Jesus.
3) Receba o Batismo no Espírito Santo pela fé.